Passar para o Conteúdo Principal Top
Logótipo
  • Youtube
  • Issuu
  • RSS feed

Resíduos Diferenciados

 

Os resíduos diferenciados são resíduos de embalagem que são devidamente separados por categorias (papel, cartão, plástico, metal e vidro) e depositados nos ecopontos, para posteriormente serem encaminhados para as estações de triagem e depois para as indústrias recicladoras.

É possível prevenir a produção excessiva de resíduos e proceder-se à sua valorização e reciclagem?

O processo de valorização e reciclagem inicia-se com uma correta separação dos resíduos. Anteriormente a recolha indiferenciada fazia com que o processo de reciclagem não fosse rentável, pois os resíduos encontravam-se todos juntos e havia custos inerentes às operações necessárias para se obter material de qualidade para depois se reciclar. Assim, a recolha seletiva tem vindo a substituir progressivamente a recolha indiferenciada.

O processo de reciclagem começa com a separação dos resíduos, mas esta prática só é possível dependendo da adesão dos cidadãos a este processo de separação.

Desta forma, de nada vale colocar ecopontos se os seus munícipes não aderirem ao processo de recolha seletiva. Por isso, os cidadãos devem procurar separar os resíduos, cumprindo as regras de separação em vigor e deposita-los nos locais equipamentos apropriados.

 

Sabia que…

Sistemas de Reposição de Resíduos Diferenciados

Para a deposição de resíduos separados seletivamente, existem à sua disposição diversos equipamentos, tais como:

(Estes equipamentos são sempre compostos por três contentores, nas cores azul, amarelo e verde, onde se devem colocar os seguintes resíduos).

EAz

EV

EA