Passar para o Conteúdo Principal Top
Logótipo
  • Youtube
  • Issuu
  • RSS feed

Centro Hípico Travancas inaugurado em ambiente de festa

Centro Hípico Travancas inaugurado em ambiente de festa
Centro Hípico Travancas inaugurado em ambiente de festa
06 Outubro 2015

O Centro Hípico Travancas, na freguesia de Tinhela e Alvarelhos, em Valpaços, foi inaugurado no passado sábado, dia 3 de Outubro, na presença do Presidente da Câmara Municipal de Valpaços, Amílcar Almeida.   “Valpaços está mais rico. Este é um dia que ficará na história do concelho. Um investimento do qual nos podemos orgulhar feito por um amigo, por um filho desta terra”. Foi com estas palavras que Amílcar Almeida assinalou a cerimónia de inauguração do Centro Hípico Travancas. O Presidente do Município reforçou ainda o apoio ao empreendedorismo e ao investimento privado no concelho, dando o exemplo de coragem e persistência do proprietário do Centro Hípico Travancas, com o qual a autarquia pretende estabelecer protocolos para que esteja acessível às crianças e jovens do concelho. “É com muita satisfação que vejo mais uma atividade económica que se dinamiza”, referiu. “Um sonho tornado realidade, graças ao apoio do Município e de algumas pessoas que me ajudaram ao longo de todo o processo”, referiu o proprietário, José Cândido Travancas, visivelmente emocionado, sobretudo no momento de lembrar o pai (em memória), a quem prometeu um dia tornar real o projecto do centro hípico. O dia de festa contou com os alunos que já frequentam as aulas, que deliciaram os presentes com uma demonstração do que já sabem fazer com os cavalos. Houve tempo ainda para assistir a uma demonstração de alto nível através de um centro hípico convidado. Toda a cerimónia foi acompanhada pela voz de Bárbara Afonso e música de Inês Afonso, duas jovens valpacenses promissoras no panorama artístico. O Centro Hípico Travancas situa-se a cerca de 15 quilómetros do centro da cidade de Valpaços e tem aulas de equitação disponíveis diariamente para crianças e adultos. Naquele novo equipamento ao serviço de residentes e turistas é também possível ter aulas de hipoterapia, fazer passeios de charrete e contactar com diversos animais. A obra foi construída com investimento privado, apoiado por fundos comunitários.